Estudo técnico do FUASPEC sobre perdas salariais e reposição

Em reunião virtual com o Secretário de Planejamento e Gestão do Estado do Ceará, Mauro Filho, realizada na terça-feira, 16, o Fórum Unificado das Associações e Sindicatos dos Servidores Públicos Estaduais do Ceará (FUASPEC) apresentou um estudo técnico que indica perda salarial de 31,7% dos servidores durante o governo Camilo Santana.

Com base em dados do próprio Estado, o estudo elaborado pelo Sindicato dos Fazendários, filiado ao FUASPEC, mostrou que houve superávit primário no ano de 2020. Apesar da pandemia da Covid-19, o Ceará arrecadou mais de R$ 1 bilhão. Tendo isso em vista, apresentou ser viável a proposta de reposição salarial com o cumprimento, que não está ocorrendo, da Lei 14.867 sobre a reposição salarial dos servidores em 1° de janeiro.

O estudo técnico ainda apresentou outros meios, a partir de uma proposta do Observatório de Finanças Públicas do Ceará (Ofice), para arrecadação do Estado que, se implementados, podem gerar um impacto positivo na arrecadação em R$ 3,3 bilhões.

, , , , ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *