REQUERIMENTO DE INFORMAÇÕES PARA REGULARIZAÇÃO DE PROCESSOS DE PROGRESSÃO

EM RESPOSTA AS SOLICITAÇÕES DO SINDURCA EM RELAÇÃO AO ATRASO DOS PROCESSOS DE ASCENÇÃO E PROGRESSÃO DE DOCENTES DA URCA, A SECITECE SOLICITA QUE PROFESSORES (AS) QUE ESTÃO COM PROCESSOS ATRASADOS ENCAMINHEM SEUS DADOS ATRAVÉS DO SINDURCA PARA AGILIZAR A REGULARIZAÇÃO.

Centrais Sindicais se reúnem com SECITECE

No dia 30 de maio, o Sindurca em coletivo com o Sinduece e o Sinduva esteve presente em reunião com a Secretaria de Ciência, Tecnologia e Educação Superior (SECITECE), para tratar das demandas relativas a contratação de profissionais, campanha salarial e abertura de concursos públicos.
Nágyra Drummond, secretária executiva da SECITECE, esteve presente na reunião. Ao ser questionada sobre a possibilidade de abertura de concurso público para o magistério superior estadual, a secretária revelou que não há previsão para realização de novos certames, apesar da questão não estar descartada da agenda do governador. Após ouvir das representações sindicais as questões relativas a UECE e a UVA, as demandas da URCA foram debatidas. Foram elas:
– Agilização dos processos de ascensão e progressão profissional;
– Demandas por professores (as) efetivos (as) nos diversos cursos da URCA;
– Questionamentos a respeito do quadro de profissionais da instituição, sendo que de 647 professores (as) da Universidade, 35% são de substitutos (as), agravando a situação do Campus Avançado de Iguatu, por exemplo, em que o quadro de profissionais é de quase 100%, prejudicando o ensino de qualidade pela desvalorização da profissão;
– Perdas salariais que não são resolvidas pelo governo de Camilo Santana;
– Necessidade de concurso para os (as) trabalhadores (as) técnico-administrativos;
A secretária respondeu afirmando que a não realização do concurso para os servidores técnico-administrativos da URCA se deveu a uma decisão das administrações da URCA e da UVA, ao contrário da UECE, que optou por fazer o concurso, apesar de não se encontrar inteiramente resolvidos todos os problemas no que diz respeito à situação do quadro funcional. Declarou ainda que, no caso da lentidão dos processos de ascensão e progressão, espera que seja remetida a listagem dos docentes prejudicados pelo atraso, condição para que a SECITECE consiga atuar no sentido de resolver a demanda por agilização destes processos (A SECRETÁRIA PEDIU QUE SEJAM ENVIADAS INFORMAÇÕES, NESSE SENTIDO, PARA A LIBERAÇÃO DOS PROCESSOS QUE, EM GERAL, PASSAM LONGOS MESES NA MESA DO CHEFE DO EXECUTIVO).
Quanto a questão salarial pautada, Nágyra Drummond ratificou a disposição da Secretaria de Ciência e Tecnologia de mediar a matéria; além disso, a secretária enfatizou que a temática da sequência dos concursos para efetivos do corpo docente, que é um pleito também da URCA, só deve merecer nova atenção no próximo semestre, devido a suspensão de certames públicos para preenchimento de vagas no serviço público estadual, procedimento determinado pelo governo do estado (e que mereceu severas críticas de todas as seções sindicais).
Ao fim da reunião, ficou acertado que todas as últimas sextas do mês haverão novos encontros com a SECITECE, ficando marcada a próxima para o dia 28/06, às 9:30 da manhã na sede da secretaria.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *